banner1.jpg
  • Cristiane Sales

Curso de gestantes online esclarece principais dúvidas das mulheres


Foto: Freepik

O 1º Ciranda Virtual ocorrerá de 10 a 15 de agosto transmitido através do Instagram

A gestação é um período de muitas dúvidas e descobertas para a mulher. Muitas dessas dúvidas estão relacionadas à saúde da mãe e do bebê, além do parto e pós-parto. No dia 15 de agosto é celebrado o Dia da Gestante. Para marcar a data, o Hospital Esperança Recife e a Clínica Ísis Medicina Feminina, parceira do hospital, realizam, de 10 a 15 de agosto, a 1ª Ciranda Virtual, um evento online e gratuito voltado para as gestantes.


Serão debatidos temas como “A importância do pré-natal”, “Hipertensão na gravidez”, “Parto e períneo - preparando o corpo para o parto normal”, “Minha bolsa estourou - e agora?”, “Amamentação” e “Atividade física na gestação”. As conversas serão conduzidas por médicos e enfermeiras da equipe do Hospital Esperança e da Ísis, além de convidados.


No evento, também será apresentado o Centro de Parto Normal do Hospital Esperança e as Salas de PPP (pré-parto, parto e pós-parto). A maternidade do hospital conta com duas salas totalmente equipadas para proporcionar um nascimento seguro e acolhedor para a mãe e seu bebê. Cada sala PPP possui banheira, cromoterapia acima da banheira, aromoterapia e musicoterapia, onde as pacientes poderão escolher a playlist para o momento do parto. As salas também possuem equipamentos que auxiliam no controle da dor, como bola suíça, bola feijão, espaldar, cavalinho, banqueta, rebozo (tecidos) e um leito especial para parto vertical, onde a gestante pode dar à luz na posição de cócoras.


“Encontramos essa forma online de levar informação às mulheres e tirar suas principais dúvidas. É uma maneira de lembrar a data e preparar as mulheres para o momento tão importante que é o parto”, explica a coordenadora do setor de ginecologia e obstetrícia do Hospital Esperança Recife, Simone Carvalho, também integrante da Sociedade Pernambucana de Ginecologia e Obstetrícia. O evento virtual é uma adaptação do Ciranda Gestacional, que ocorre trimestralmente de maneira presencial, mas que, devido à pandemia, está suspenso.


A 1ª Ciranda Virtual irá abordar temas ligados à saúde da mulher que interferem na saúde e estética, como queda de cabelo e o aparecimento de melasmas, manchas que normalmente aparecem no rosto durante a gravidez.


As conversas serão transmitidas pelos perfis no Instagram da clínica Ísis (@isismedicinafeminina) e da empresa parceira Gestante Brasil (@gestantebrasil). A programação contará com palestras ao vivo nos perfis e outras gravadas e disponibilizadas no IGTV do perfil da Ísis.


PRÉ-NATAL NÃO DEVE SER INTERROMPIDO


As gestantes não devem interromper os cuidados com o pré-natal durante a pandemia. O acompanhamento de toda a gestação é importante porque é, nesse período, que são detectadas doenças que podem ser tratadas e identificados fatores de risco para que sejam feitas medidas preventivas, impedindo a evolução das doenças. Entre os principais problemas que as mulheres podem apresentar durante a gravidez, estão a hipertensão, hemorragias, infecção urinária e a perda de líquido amniótico. Caso apresentem algum desses sintomas, a gestante não deve deixar de procurar atendimento médico por conta da pandemia.


“Com a pandemia, muitas gestantes se limitam a procurar a emergência obstétrica pelo risco de contaminação pelo novo coronavírus. Mas devemos ressaltar a importância de procurar a emergência da maternidade se sentirem dores e contrações uterinas, perda de líquido pela vagina, hemorragia, febre, aumento da pressão arterial, além dos sintomas considerados graves de uma possível infecção pelo novo coronavírus, como febre e falta de ar”, ressalta a médica Simone Carvalho. Esses são sintomas que podem indicar doenças que trazem riscos ao bebê e à saúde da gestante, levando, em casos extremos, à mortalidade materna.

Artigo02.png
banner2.jpg
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo