• Cristiane Sales

Caruaru e Bezerros iniciam hoje quarentena mais rígida



Enquanto o restante do Estado tem reduzido o número de casos e óbitos pela Covid-19, a região do Agreste, principalmente os municípios de Caruaru e Bezerros, registrou aumento expressivo na disseminação da doença. Para acompanhar o cenário local e as ações desenvolvidas pela gestão Estadual, o secretário estadual de Saúde, André Longo, visitou, na manhã desta quinta-feira (25/06), o Hospital Mestre Vitalino (HMV), uma das referências na região para tratamento do novo coronavírus, onde conferiu o fluxo da unidade e as atividades do hospital de campanha instalado na área externa do serviço.


Os dois municípios foram responsáveis por 71% do aumento de casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG) no Agreste. A região pulou de 267 para 358 casos de SRAG na última semana. Em Caruaru, esse salto foi de 97 para 152 casos, o que equivale a 42,4% do total da região. Já no município de Bezerros, o avanço foi de 27 para 37 casos (10,3% do total).


Por isso, o Governo de Pernambuco decretou, na última terça-feira (23/06), a restrição do funcionamento das atividades econômicas nos municípios de Caruaru e Bezerros apenas aos serviços essenciais. A partir desta sexta-feira (26/06), a população das duas cidades só poderá sair de casa para ir a supermercados, farmácias, padarias, postos de gasolina e serviços de saúde. A determinação segue até o dia 5 de julho. Nos dois municípios também será permitido, ao longo desses dez dias, o funcionamento das atividades industriais, da construção civil (com 50% da capacidade) e de restaurantes para delivery.


O secretário reforçou, durante a visita, que os municípios, precisam aumentar a taxa de isolamento social para impactar positivamente os números da doença nas localidades. "Para se ter uma ideia, em todos os dias após o isolamento social rígido na capital pernambucana, apesar de ter maior população e maior número de atividades reabertas, Recife teve maior índice de isolamento do que Caruaru. Queremos que o índice de isolamento social atinja um patamar superior a 60% nesta região”, apontou André Longo.


“Precisamos que, durante esses dez dias, a população desses dois municípios só saia de casa para o que for verdadeiramente essencial. E, se precisar sair, que adotem medidas de prevenção contra a doença, como o uso obrigatório de máscaras. Queremos uma redução da velocidade de crescimento de casos na região para, assim, preservar a saúde e a vida dos moradores, tanto de Caruaru quanto de Bezerros", ressaltou.


O secretário estadual de Saúde advertiu, ainda, que todo o Agreste está sob alerta e que outras cidades da região podem entrar também em isolamento social rígido. "Caruaru e Bezerros foram escolhidos pelo aumento de casos, mas é preciso entender que todo o Agreste deve colaborar. Se o cenário não mudar, poderemos adotar outras medidas, inclusive para outros municípios da região".


Atualmente, apenas em Caruaru já são 143 leitos dedicados à Covid-19, sendo 74 de UTI, abertos pelo Governo de Pernambuco. Depois do Recife, é a cidade com mais leitos abertos pela gestão estadual. As vagas estão distribuídas no Hospital Regional do Agreste (18 leitos de UTI e 19 de enfermaria) e no Hospital Mestre Vitalino – unidade que já conta com 106 leitos efetivamente ativos, sendo 56 de UTI. A grande expansão de leitos no Agreste só foi possível graças à abertura de um Hospital de Campanha no próprio HMV, que iniciou a ativação de leitos na semana passada. Na próxima semana, serão abertos 4 novos leitos de UTI no Mestre Vitalino e, ao longo das próximas, outras 62 vagas de enfermarias no Hospital de Campanha da unidade.

#Quarentena #Covid19 #coronavírus

Artigo02.png
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo

Copyright © 2018 Saúde e Bem Estar