• Ana Carla Santiago

Fernando de Noronha põe em prática plano de ação para volta de moradores que estão no Recife


De acordo com a estimativa do Controle Migratório, cerca de mil noronhenses se encontram na capital pernambucana


A partir do próximo sábado (13), a Administração Geral de Fernando de Noronha irá realizar um plano de ação para a volta dos moradores da ilha que estão no Recife. Para que isso aconteça, os ilhéus devem realizar um cadastro na Assistência Social do arquipélago. Com isso, a Administração avaliará, junto à equipe técnica de saúde, as pessoas cadastradas por meio de alguns critérios estabelecidos e enviará a lista dos autorizados para o Conselho Distrital, que dará um parecer sobre o grupo prioritário de moradores que devem voltar para a ilha. Após esse processo, a Administração entrará em contato com as pessoas selecionadas para que elas possam voltar para suas casas. De acordo com a estimativa do Controle Migratório, cerca de mil noronhenses estão na capital de Pernambuco.


A prioridade do retorno ao arquipélago será dada aos ilhéus que saíram para Tratamento Fora de Domicílio (TFD) e aos servidores essenciais. Além do cadastro, os moradores devem fazer o teste do tipo RT-PCR, para detecção de Covid-19, na semana do voo e apresentar o resultado negativo para liberar o embarque. Um código por mensagem de texto será enviado aos moradores com a autorização para que eles façam o check-in diretamente no balcão da empresa aérea Azul. Ao chegar na ilha, eles serão submetidos novamente ao teste e ficarão isolados em pousadas à espera do resultado. O primeiro grupo realizou o teste nesta quarta (10) para viajar até Noronha no dia 13.


Quem chegar à ilha, deverá assinar um termo de compromisso com os procedimentos que devem ser realizados durante o período de quarentena. Os teste e as passagens serão custeados pelos próprios moradores. A Administração só pagará exames e passagens das pessoas em TDF. Já os testes realizados no arquipélago e o período de isolamento em pousada serão custeados pela própria Administração Geral.


O primeiro grupo, formado por 15 pessoas que fizeram Tratamento Fora de Domicílio, voltará para a ilha no sábado. No dia 21 junho, outro grupo de 25 moradores retornará para Noronha. Em seguida, mais 30 pessoas desembarcam na ilha no dia 11 julho. Por fim, no dia 26 de julho, 35 noronhenses retornarão às suas casas. De acordo com o Governo do Estado, caso a situação do coronavírus esteja controlada na ilha, a quantidade de moradores que irão retornar para lá aumentará sucessivamente.


“Todo esse protocolo é necessário para a gente não ter o vírus de volta na ilha. Será feito o maior controle possível, teremos grande chance de manter a situação controlada. Esse é outro anseio da população, que é a volta dos moradores do continente. Tivemos uma reunião muito produtiva com o Conselho Distrital, discutindo soluções para esta operação que será posta em prática. Inclusive, definindo esses critérios de como iremos trazer os moradores para Noronha”, explica Guilherme Rocha, administrador da ilha. De acordo com ele, será preciso analisar o reflexo e o comportamento do vírus na comunidade, com o retorno destes moradores.


Para mais informações, os moradores podem entrar em contato com a Assistência Social de Noronha pelos números: (81) 9.9488-3167 / 9.8494- 0311 / 9.8494-0307 / 9.9488-3165 / 9.9488-4367 / 9.9488-4367.


Noronha de portas fechadas


Desde o dia 5 de abril, como medida de prevenção para evitar o coronavírus, moradores de Noronha que estão em Pernambuco foram impedidos de entrar na ilha. O turismo noronhense foi proibido desde 21 de março. As iniciativas auxiliaram o controle de casos da Covid-19 na ilha, que chegou à zero no dia 8 de maio, situação inédita no país. Contudo, após os exames do Estudo Epidemiológico realizado desde 22 de maio, foram confirmados 36 casos, estando apenas dois deles em recuperação.


Fonte: Administração Geral de Fernando de Noronha

#coronavírus #Covid19 #FernandodeNoronha

Artigo02.png
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo

Copyright © 2018 Saúde e Bem Estar