banner1.jpg
  • Cristiane Sales

SES-PE confirma 450 novos casos da Covid-19, nesta segunda-feira (01)


Foto: Pixabay

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta segunda-feira (01/06), 450 novos casos da Covid-19 em Pernambuco. Entre os confirmados hoje, 199 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 251 como leves. Agora, Pernambuco totaliza 34.900 casos já confirmados, sendo 14.535 graves e 20.365 leves. Dos casos graves, 1.070 evoluíram bem, receberam alta hospitalar e estão em isolamento domiciliar. Outros 5.773 estão internados, sendo 217 em UTI e 5.556 em leitos de enfermaria, tanto na rede pública quanto privada. Além disso, o boletim de hoje registra mais 1.090 pacientes recuperados do novo coronavírus em Pernambuco, totalizando 16.432 pessoas curadas da Covid-19 no Estado. Desse total, 4.817 são de casos graves e 11.615 casos leves. Até agora, os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 161 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países. Também foram confirmados laboratorialmente 68 óbitos (sendo 43 do sexo masculino e 25 do sexo feminino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Recife (17), Caruaru (5), Jaboatão dos Guararapes (4), Goiana (3), Ipojuca (3), Ribeirão (3), Vicência (3), Cabo de Santo Agostinho (2), Palmares (2), Vitória de Santo Antão (2), Abreu e Lima (1), Água Preta (1), Águas Belas (1), Altinho (1), Barreiros (1), Belo Jardim (1), Camaragibe (1), Condado (1), Cortês (1), Itapissuma (1), Itaquitinga (1), Lagoa do Carro (1), Limoeiro (1), Moreno (1), Olinda (1), Paudalho (1), Pesqueira (1), Petrolândia (1), Sairé (1), Salgueiro (1), São Lourenço da Mata (1), São Vicente Ferrer (1), Venturosa (1) e Xexéu (1). Com isso, o Estado totaliza 2.875 mortes pela Covid- 19. As mortes ocorreram entre os dias 10/04 e 31/05 e os pacientes tinham idades entre 36 e 93 anos de idade. Dos 68 pacientes que vieram a óbito, 45 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (36), diabetes (18), doença cardiovascular confirmada ou em investigação (9), tabagismo/histórico de tabagismo (6), etilismo/histórico de etilismo (5), doença renal (5), obesidade (4), histórico de AVC (4), asma (3), hipotireoidismo (2), doença de Alzheimer (1), tuberculose pulmonar (1), doença hepática (1), histórico de AVE (1) e pneumopatia (1) - o mesmo paciente pode ter mais de uma comorbidade. Três não apresentavam comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios. As faixas etárias são: 30 a 39 (2), 40 a 49 (9), 50 a 59 (8), 60 a 69 (15), 70 a 79 (17), 80 ou mais (17). Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 9.704 casos foram confirmados e 10.073 descartados. As testagens abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Estado foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar os profissionais da área da saúde. ATENDE EM CASA


O Atende em Casa passará a assistir, nesta terça-feira (02/06), mais seis municípios pernambucanos - Itaquitinga, na Zona da Mata Norte; Joaquim Nabuco, Catende, Maraial, Amaraji e Barreiros, na Mata Sul do Estado. Juntas, as cidades têm uma população de 152.703 habitantes. Com as novas inclusões, mais de 8,3 milhões de pessoas de 156 municípios já têm acesso ao aplicativo, o que representa cerca de 85% de todo o território pernambucano. Com as novas inclusões, toda a III Gerência Regional de Saúde (Geres), com seus 22 municípios, está coberta pela ferramenta. A I (20 municípios), V (21), VI (13), X (12), IX (11) e XI (10) Geres também já são atendidas em sua totalidade pela tecnologia, uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura do Recife. O Atende em Casa passa orientações para a população com sintomas gripais que busca o serviço on-line, seja para manter o isolamento domiciliar ou, após uma teleorientação feita por profissional de saúde, fazer a busca qualificada por um serviço de saúde mais próximo da sua casa. A ferramenta já conta com mais de 74,6 mil usuários cadastrados. Ao todo, após teleorientação, mais de 8,8 mil pessoas foram orientadas a procurar uma unidade de saúde e mais de 15,1 mil a permanecer em isolamento domiciliar. O aplicativo, disponível pelo site www.atendeemcasa.pe.gov.br e para smartphones com sistema Android, permite que médicos, enfermeiros ou residentes médicos façam videochamadas e orientações aos usuários. Mais de 100 profissionais de saúde foram treinados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), responsável por coordenar os atendimentos fora do Recife, para atuação no Atende em Casa, reforçando as escalas de plantão. Os profissionais recebem orientações quanto ao uso do aplicativo, protocolos clínicos da Covid-19 e fluxo de atendimento nas unidades de saúde.


#CoronavírusemPernambuco #coronavírus #Covid19 #SESPE

Artigo02.png
banner2.jpg
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo