• Cristiane Sales

Pernambuco oferta vacina contra 4 tipos de meningite para adolescentes entre 11 e 12 anos



A partir desta segunda-feira (04/05), as salas de vacinação passam a disponibilizar um novo imunizante para os adolescentes entre 11 e 12 anos. Trata-se da vacina meningocócica ACWY (conjugada), que, nesta faixa etária, substituirá a meningocócica C, indicada agora apenas para crianças menores de 5 anos. A dose única vai beneficiar 341.828 jovens em Pernambuco. A meta do Ministério da Saúde (MS) é imunizar, no mínimo, 80% dessa população. Até o momento, mais de 60 mil doses já foram encaminhadas aos municípios para a ação.


A nova vacina passa a fazer parte do calendário nacional de vacinação, ou seja, será ofertada de rotina nos postos de saúde. A dose deve ser aplicada nos adolescentes independente deles terem feito anteriormente a vacina meningocócica C. "Essa nova dose trará proteção contra outros sorogrupos da doença meningocócica, ampliando a proteção para os nossos jovens. É importante que os pais ou responsáveis fique atentos à caderneta de vacinação dos adolescentes, pois essa proteção pode evitar quadros graves da doença, com complicações neurológicas e perda de membros e audição, por exemplo, além do próprio óbito", afirma a superintendente de Imunizações da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), Ana Catarina de Melo.


A gestora reforça que a ida ao posto de saúde pode ser aproveitada para que outras doses em atraso possam ser feitas nos adolescentes. "Na rotina, esses jovens podem ser imunizados contra o HPV, hepatite B, febre amarela, difteria e tétano, sarampo, rubéola e caxumba. É importante aproveitar essa ida aos postos para atualizar a caderneta de vacinação, documento que deve ser levado para que os profissionais possam avaliar as doses que precisam ser feitas", destaca Ana Catarina.


O QUE É


A Neisseria meningitidis (meningococo) é uma das principais bactérias causadoras de meningite. Os indivíduos podem variar do quadro de portadores assintomáticos da bactéria ao desenvolvimento da doença meningocócica (DM) podendo essa ser fulminante. As manifestações mais comuns de DM são meningite e septicemia; entretanto, outras formas podem surgir, como artrite séptica, pericardite e pneumonia. Os casos graves da doença podem gerar sequelas de longo prazo entre os sobreviventes, incluindo complicações neurológicas, perda de membros, perda auditiva e paralisia, além do óbito.


DADOS


Em 2019, Pernambuco notificou 47 casos suspeitos de doença meningocócica, sendo 9 no público adolescente (entre 10 e 19 anos). Do total, 23 confirmaram (6 em adolescentes). Neste ano, são 14 notificações, 1 em adolescente de 10 a 19. Desse total, 1 foi confirmado (não foi em adolescente).


SARAMPO


A SES-PE ainda lembra que está em curso a vacinação indiscriminada contra o sarampo para o público entre 20 e 49 anos. Isso significa que, independente da situação vacinal, essa população deve receber uma dose da tríplice viral, que ainda protege contra caxumba e rubéola. "Os pais ou responsáveis nessa faixa etária que vão levar os adolescentes para se vacinar, também devem aproveitar o momento para se proteger", afirma a superintendente de Imunizações, Ana Catarina. Neste ano, 8 casos de sarampo foram confirmados no público dos 20 a 49 anos.


INFLUENZA


Ainda é importante lembrar que segue até 10/05 a segunda etapa da campanha de vacinação contra a influenza. Neste momento, estão contemplados os povos indígenas; pessoas com comorbidades; privados de liberdade e funcionários do sistema prisional; caminhoneiros, profissionais de transporte coletivo (motorista e cobradores) e trabalhadores portuários; e força de segurança e salvamento (bombeiros, policiais civis e militares, Exército, Marinha e Aeronáutica), totalizando 599 mil pessoas. De acordo com o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI), mais de 179 mil desse público foram imunizados pelos municípios.


Além disso, idosos e profissionais de saúde ainda não vacinados também devem receber a proteção. Até o momento, 1.039.011 pessoas a partir dos 60 (109,24%) e 208.937 profissionais de saúde (106,09%) estão protegidos.


Até o momento 2,9 milhões de doses ofertadas pelo Ministério da Saúde foram distribuídas aos municípios. Nesta semana, mais 996 mil serão encaminhadas para todas as cidades pernambucanas.


#Vacinação #meningite #SESPE #Sarampo #Influenza #ministériodasaúde

Artigo02.png
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo

Copyright © 2018 Saúde e Bem Estar