• Cristiane Sales

Outubro Rosa: Recife terá o dobro de vagas no mamógrafo móvel e ações de conscientização


A Prefeitura do Recife disponibilizará 3.600 exames no mamógrafo móvel e mamografias sem necessidade de encaminhamento ou marcação no Hospital da Mulher, em alguns dias do mês


Para marcar o Outubro Rosa e alertar as mulheres sobre a importância de se prevenir contra o câncer de mama, a Prefeitura do Recife vai ofertar o dobro de vagas de exames no mamógrafo móvel da Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife e vai realizar mamografias sem necessidade de encaminhamento ou marcação no Hospital da Mulher do Recife (HMR) em alguns dias do mês. Além disso, a PCR promoverá a 1ª Corrida Outubro Rosa, lançará campanha e ainda discutirá o tema em seminários, palestras e rodas de diálogo nos mais diversos lugares da cidade. A programação do Outubro Rosa da Prefeitura do Recife e o cronograma do mamógrafo móvel estão disponíveis no site da PCR (www.recife.pe.gov.br).


Ao longo do mês, circularão pela capital pernambucana dois caminhões equipados com o mamógrafo móvel da Sesau, que percorrerão mais de 40 locais e disponibilizarão 3.600 vagas para realização do exame das mamas - praticamente o dobro do que é ofertado normalmente. Em média, serão 160 vagas por dia. A mamografia é o único exame que apresenta eficácia comprovada na redução da mortalidade do câncer de mama.


Nesta terça-feira (1º), das 8h às 16h, um dos mamógrafos estará estacionado no térreo do edifício-sede da Prefeitura, onde também haverá palestras, testes de glicemia e de pressão arterial, até 12h. Para fazer o exame, não é necessário fazer agendamento, mas as mulheres devem ser moradoras do Recife e devem ter entre 50 e 69 anos (faixa etária preconizada pelo Ministério da Saúde). É necessário levar documento de identificação, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e comprovante de residência.


O itinerário dos caminhões do mamógrafo móvel pode ser conferido no site da Prefeitura do Recife. As mulheres poderão ser atendidas de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 12h. O resultado do exame é entregue em até 30 dias na unidade de saúde onde o veículo ficou estacionado ou naquela mais próxima ao local da ação. Quem está fora da faixa etária e precisa fazer a mamografia deve procurar a unidade de saúde de referência para pegar um encaminhamento.


HOSPITAL DA MULHER


No Hospital da Mulher do Recife (HMR) Dra. Mercês Pontes Cunha, serão realizadas mamografias de forma espontânea, sem necessidade de encaminhamento ou marcação, nesta terça-feira (1º), assim como nos dias 28 a 31 de outubro. Em cada um dos dias, serão oferecidas 30 vagas (15 pela manhã e 15 à tarde). O atendimento acontecerá por ordem de chegada.


Além disso, no dia 27, acontecerá a 1ª Corrida Outubro Rosa, no estacionamento do HMR. O percurso é de cinco quilômetros, e os três primeiros colocados de cada categoria receberão medalhas e bicicletas. As inscrições podem ser feitas até o próximo dia 10, na própria unidade, e custam R$ 30.


SEMINÁRIO


Na tarde desta terça (1º), às 14h, a Secretaria de Saúde do Recife realiza o seminário “Enfrentamento ao câncer de mama na Atenção Básica: diagnóstico precoce e coordenação do cuidado”. Voltado a cerca de 150 profissionais da rede municipal de saúde, o evento abordará o cenário epidemiológico da doença no Recife, além de passar orientações sobre ações de rastreamento e de cuidado às mulheres diagnosticadas com este tipo de câncer. O encontro será no auditório do 15º andar do edifício-sede da Prefeitura.


No mesmo lugar, no dia 18, às 10h, a Secretaria da Mulher do Recife promove a palestra "Câncer de mama: da prevenção à reconstrução". O palestrante será o médico Darley Ferreira, chefe do serviço de Mastologia e reconstrução mamária do Hospital Barão de Lucena.


DADOS


Segundo a Organização Mundial de Saúde, o câncer de mama é o mais incidente em mulheres, excetuando-se os casos de pele não melanoma, e representa 25% do total de casos de câncer femininos no mundo. A doença caracteriza-se por ser um tumor resultante da multiplicação de células anormais da mama. Há vários tipos de câncer de mama e alguns evoluem rapidamente; outros não. A maioria dos casos tem boa resposta ao tratamento, principalmente quando diagnosticado no início.


De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), somente para este ano, no Recife, são previstos mais de 700 novos casos de câncer de mama. Para contribuir com o diagnóstico precoce e evitar o aumento desse número, a PCR disponibiliza mensalmente exames nos mamógrafos móveis, no Hospital da Mulher do Recife e em clínicas conveniadas. Desde 2013, já foram realizados mais de 320 mil exames desse tipo, sendo cerca de 17 mil apenas em 2019.


COMO IDENTIFICAR


As mulheres devem estar atentas às mamas, no dia a dia, para que possam reconhecer suas variações naturais e identificar as alterações suspeitas. Alguns sintomas podem ser nódulo (caroço) fixo, geralmente indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja; alterações no bico do peito (mamilo); saída espontânea de líquido de um dos mamilos e pequenos nódulos no pescoço ou na região das axilas.


Além de realizar periodicamente o exame clínico e a mamografia, adotar hábitos saudáveis, manter o peso corporal adequado, praticar atividade física e evitar o consumo de bebidas alcoólicas ajudam a reduzir o risco de ter a doença. Amamentar também é um fator de proteção.



#outubrorosa #CâncerdeMama #Mastologia #INCA #Sesau #MamógrafoMóvel #HospitaldaMulher #Mamografia #SUS #ministériodasaúde #OMS

Artigo02.png
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo

Copyright © 2018 Saúde e Bem Estar