• Cristiane Sales

Aprovados novos tratamentos para pacientes com câncer de rim e próstata


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o registro de novos medicamentos para o tratamento de câncer de rim e de próstata. Para o tratamento do câncer renal avançado, foi liberada a comercialização do medicamento Cabometyx (levomalato de cabozantinibe), que será comercializado pela empresa Beaufour Ipsen Farmacêutica Ltda, na forma de comprimido revestido, nas concentrações de 20 mg, 40 mg e 60 mg.


O câncer renal é o terceiro mais frequente do sistema geniturinário (formado pelo rim, ureter e bexiga) e sua incidência anual tem aumentado nos últimos 20 anos. É responsável por 3% dos tumores malignos em adultos e é o mais letal dos cânceres urológicos, com taxa de mortalidade de 40%.


Já os pacientes com câncer de próstata terão a opção terapêutica do Erleada (apalutamida), que será vendido na forma de comprimido revestido, com concentração de 60 mg. A detentora do registro no Brasil é a empresa Janssen-Cilag Farmacêutica Ltda.


Com uma estimativa de 68,2 mil casos novos em 2018, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de próstata é caracterizado pelo crescimento da glândula prostática, que acomete primariamente a população idosa. Entre os tipos mais comuns nos homens, o câncer de próstata ocupa a segunda posição, atrás apenas dos tumores de pele não melanomas.

#Saúde #SaúdeeBemEstar #Câncer #CâncerdeRim #CâncerRenal #câncerdepróstata #Anvisa #INCA #NovoMedicamento

Artigo02.png
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo

Copyright © 2018 Saúde e Bem Estar