banner1.jpg
  • Cristiane Sales

41% das mortes de recém-nascidos poderiam ser evitadas através da higienização das mãos


Foto: Reprodução

Lavar as mãos ajuda a prevenir epidemias e doenças transmissíveis


A higienização das mãos é fundamental para saúde e é reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como um dos principais instrumentos contra epidemias. Por isso, o dia 15 de outubro é o Dia Mundial de Lavar as Mãos e é lembrado por governos e organizações sanitárias para incentivar a ação e fazer com que isso faça parte do cotidiano de todos. A lavagem das mãos com água e sabão deve acontecer diariamente e com frequência.


O simples ato é capaz de prevenir infecções e diversas doenças contagiosas como herpes, gripe e outras viroses. De acordo com um estudo realizado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), 41% das mortes de recém-nascidos poderiam ser evitadas através da higienização das mãos, reduzindo a disseminação de vírus e bactérias. Já para os profissionais de saúde, não se trata apenas de uma recomendação, mas de uma regra básica.


Para realizar o procedimento corretamente, o ideal é usar água e sabão, porque a água sozinha não é suficiente para eliminar vírus e bactérias.


Saiba quando a higiene das mãos é recomendada:


• Antes e após o preparo de alimentos; • Antes de comer; • Antes e após tratar qualquer machucado, principalmente em crianças; • Antes e depois de entrar em contato com pessoas doentes; • Sempre depois de usar o banheiro.


Confira os 5 passos para lavar as mãos adequadamente:

  1. Usar sabão ou detergente;

  2. Esfregar as palmas das mãos;

  3. Esfregar todos os dedos e os espaços entre os dedos;

  4. Esfregar as pontas dos dedos e as unhas;

  5. Retirar o sabão com água e enxugar bem, com um pano limpo.

#Lavarasmãos #Higienizaçãodasmãos #Saúde #SaúdeeBemEstar #OMS #Unicef #DiaMundialdeLavarasMãos #Higiene

Artigo02.png
banner2.jpg
WhatsApp Image 2020-10-07 at 11.28.55.jp
Banner01.png
Arquivo